2013-01-13

Chega!

«a Constituição não está suspensa e qualquer organização internacional, mesmo os nossos credores, têm de ter respeito pelas instituições democráticas de qualquer Estado soberano.» 

António Arnaut à Lusa, 09-01-2013

A democracia não pode ser imposta. É sufragada. Por mais que reconheça a necessidade de mudanças, não quero uma constituição rasgada e substituída por um qualquer rascunho mal amanhado de quem nem sequer é português. Ainda somos um Estado de direito, por mais que a justiça dê as suas curvas.

4 comentários:

pé-de-cereja disse...

Tudo isso é tão absurdo e quase provocatório, que eu na manhã em que li o que os jornais publicaram, deixei lá no fecebook uma opinião, dizendo que achava que era um truque: como nas feiras se pedia um preço muito alto para com o regateio receberem um preço mais razoável, os senhores do governo faziam o mesmo, assustavam e depois ia parecer que cediam. Achei graça porque no sábado encontrei no Expresso tal e qual o que eu pensava:
http://twitpic.com/buo0ld#.UPHit3KJi2Q.gmail
É a tal técnica...

Alien David Sousa disse...

AMÉM!

Saudações alienígenas

Hipatia disse...

já vi o primeiro recibo de vencimento e as novas medidas para me levarem o que ainda sobrava; e como há cada vez menos impostos a entrar apesar dos aumentos sucessivos, vão continuar a pisar-me até não sobrar mesmo nada. Hoje a notícia é que as medidas aplicadas à função pública e até agora provisórias, este governo gatuno quer tornar definitivas. E provavelmente nem vai haver duodécimos para para esconder o roubo descarada. Não é provocação. É o governo que temos :(

Hipatia disse...

Acho que já nem deus nos salva :(