2011-08-22

Derrocada

aqui

Um norueguês psicopata que acredita demais em ideias reaccionárias e xenófobas e mata crianças sem culpa nem arrependimento; jovens ingleses que já não acreditam em nada e por isso tudo violam e incendeiam; populações migrantes deixadas a morrer no meio do mar que nunca como antes separa; comunidades imigradas que recusam o caminho da integração, refugiando-se em guetos por escolha e por força. Fundamentalismo. Extremismo. Niilismo. O Estado Social em retirada. A crise, também, a enredar tudo e todos e a expor indecentemente a fragilidade dos líderes. E o medo. Muito medo.

4 comentários:

mfc disse...

Ciclicamente aparece um tolo assim... mas perigoso!

pé-de-cereja disse...

Resumo assustador e... verdadeiro.

Hipatia disse...

muitos tolos, Manel :(

Hipatia disse...

E sem vermos onde isto vai parar, sendo que, a cada nova notícia, ainda parece ficar pior :(