2006-06-09

Nada!


Antony and Johnsons & Rufus Wainwright
What Can I Do

4 comentários:

Lisa disse...

Caaaalma! Vá, a respirar fundo!

(pode-se sempre fazer alguma coisa, mesmo que se não veja logo o quê)

Bjinho

Hipatia disse...

Já estou a respirar :))

(e tens razão para "quase" tudo; quanto ao que não tem remédio, remediado está, certo?)

maria_arvore disse...

Numa formação que tive, disseram que quando encontramos um problema que depois de analisado constatamos que não temos solução para ele, então o problema não é nosso. :)

Aceitar também é agir. ;)

Hipatia disse...

Sem dúvida, Maria Árvore. Às vezes é preciso simplesmente aceitar. Talvez por isso a promoção que acabei de receber não signifique na prática quase nada. Todos os problemas que me deprimem diariamente vão manter-se presentes e o reconhecimento - que suspeito que seja antes uma resposta à suspeita de que talvez um dia destes eu batesse a porta e me mudasse para a concorrência - não resolve nem o excesso de trabalho, nem as más condições em que tantas vezes o faço e, muito menos, esta sensação de que, algures, acabei amarrada a uma série de obrigações e que os encargos contraídos vão prostituindo o meu suor.