2008-05-18

Cartas


aqui


Recebi uma carta. Não uma carta com um texto lá dentro, antes uma carta com um presente manhoso, para brincar comigo e, ainda assim, carregado de intimidade, daquelas pequenas coisas que se partilharam por qualquer motivo e passaram a pertencer a duas pessoas.

E, no entanto, o que mais me cativou na carta foi o envelope. Lá estavam remetente e destinatários devidamente manuscritos. E fiquei a pensar como, neste mundo de teclas, telefones, sms, pc, voz em todos os formatos e feitios, podemos chegar a conhecer intimamente alguém e, ainda assim, nos surpreendermos com algo tão pessoal como a caligrafia.

Acho que vou passar a escrever cartas. Tenho saudades manuscritas.

5 comentários:

deep disse...

Uma das coisas capazes de me pôr um grande sorriso é, ao abrir a caixa de correio, encontrar uma carta pessoal, mesmo que seja no meio de toda a parafernália de sobrescritos de publicidade e de contas.

Boa semana. Bjs :)

Anónimo disse...

bom dia gostaria de saber se conhece algum campo de papoilas em flor neste momento.estou á procura de um para uma filmagem e pouco encontrei...só perto de alvito,e nao muito grande. agradecia a sua ajuda

monica martins

resposta para monica_marte@hotmail.com

Hipatia disse...

� verdade, Deep. Mas essas s�o cada vez mais raras. E at� vamos esquecendo como escrever sem teclas.

Beijinho

Hipatia disse...

Mónica, eu vivo no Porto. O mais que consigo são algumas maias em sítios onde os carros não conseguem passar. E, na lavoura que resta, o minifúndio nunca foi dado a esse mar de vermelho e verde de que gosto tanto. Mas há quem me leia e não seja daqui. A ver se em forma de post consigo esse campo que precisas ;-)

Anónimo disse...

Mais Vozes

curioso, sempre gostei de escrever e receber cartas. tb, tenho saudades, há anos que isso não acontece... cartas recebidas só mesmo as das contas de água e luz, etc!
fábula | Homepage | 05.19.08 - 10:05 pm | #

--------------------------------------------------------------------------------

Pois. E não achas estranho conheceres tanta gente que serias incapaz de reconhecer pela caligrafia?
Hipatia | Homepage | 05.20.08 - 11:36 pm | #