2005-05-13

Parabéns, Mar


As Cores do Mar


1998
100 x 60 cms
Acrílico sobre tela.
Da Isabel Magalhães, no seu À Rédea Solta
(descaradamente surripiado; espero que a Isabel me perdoe)



Disse-te alguma vez que fui feita à beira mar? Que me fizeram por alturas do S. João, bem planeada e desejada, numa casa onde as ondas embalaram o amor? Disse-te alguma vez que o meu avô jurava que os meus olhos eram os reflexos do mar em mim? E que as oscilações de humor são apenas como a rebentação das vagas? Ou disse-te sequer que gosto do sabor das lágrimas, que são o mar sempre comigo?

Este blogue foi comentado pela primeira vez no dia 29 de Agosto do ano passado. Dois comentários. O teu foi o segundo. E eu era, então, uma desconhecida a que podias não ter feito caso. Porque a Duende tinha acabado de me identificar. Mas tu não tinhas como. Guardo essa lembrança. E é um comentário que não fugiu, apesar de ter perdido tantos. Está no arquivo, para reler, quando tenho vontade de saber como principiou esta aventura. Até porque o post de então se chamava, exactamente, Voz em Fuga.

Espero ter encontrado para sempre a tua voz, o teu sotaque, o teu jeito meigo e a vontade de partilhar sorrisos. És um mar de ternura. És uma onda de bonança. És - acredito que és - minha amiga. E só nos vimos duas vezes. Mas há o ir e vir das ondas, um eterno regressar. E tu és mar.

Disse-te alguma vez que fui feita à beira mar?



(Um imenso beijo de parabéns, minha querida!)

4 comentários:

zezinho disse...

Uma declaração belissima.
estou certo de que quem teria de a entender, a entendeu.
Abraço e foi um privilégio ter-te encontrado.

Hipatia disse...

Entendeu sim :) E até já respondeu ali ao lado ;)

Obrigada e bem vindo a esta Voz. O privilègio é meu em ter-te por cá.

Anónimo disse...

Mais Vozes

E mais uma vez, aqui neste espaço que eu gosto tanto, feito de mar.. Dou os meus parabéns à Mar.

Acredito que ela irá ficar encantada, com este presente. É Lindo, sentido.. e não poderia deixar de o ser, vindo de ti..

Um beijo grande para as duas!
Margens | Homepage | 05.13.05 - 8:56 pm | #

--------------------------------------------------------------------------------

ah,

eu não fui feita à beira mar, mas tenho-o em mim..


Margens | Homepage | 05.13.05 - 8:57 pm | #

--------------------------------------------------------------------------------

"(...)
Deixem-me só com o dia
Peço licença para nascer"

Pablo Neruda em Estravagario

Escolhido pelo 'voltar ao útero'.

Aqui está a diferença. Começou um blog e não tem à nascença 50% da blogosfera nos links. Aliás, não tem um sequer. Gostei.

duende
______
Já dei os parabéns à Mar no sítio certo. Não me lembrava que tinha sido a primeira a comentar no teu blog, mas olha tu bem sabes que eu não bato muito bem do juízo.
duende | Homepage | 05.13.05 - 9:07 pm | #

--------------------------------------------------------------------------------

Quanto mais não seja, trazemos sempre o mar em todas as lágrimas vertidas: as de tristeza, como é óbvio, mas especialmente as que se vestem de alegria.

Obrigado, Margens. Por tudo. Beijo grande, amiga.

(e depois tens de me dizer quando é o teu aniversário; porque há muitas palavras sentidas para te dedicar )
Hipatia | Homepage | 05.13.05 - 9:32 pm | #

--------------------------------------------------------------------------------

Hoje já tenho links. Estão todos atabalhoados, sem ordem, excepto a ordem de "entrada". Provavelmente não farão grande sentido para quem procura listas de links noutros blogues e se limita a copiá-los.

Todos os meus links (e foste tu quem me ensinou a fazê-los; ou também não lembras disso?) se vestem de afectos e por isso são importantes para mim. Também por isso não retiro dali os que já nem funcionam. Porque os afectos não morrem com as distâncias, não é? E, quanto a isso, até somos prova de que é possível superar muitas distâncias e voltar, de quando em vez, ao útero, estancando fugas.

Beijo, madrinha
Hipatia | Homepage | 05.13.05 - 9:37 pm | #

--------------------------------------------------------------------------------

A dos links ainda me lembro.
duende | Homepage | 05.14.05 - 2:47 pm | #

--------------------------------------------------------------------------------

Pois! A seca deve ter sido bem maior
Hipatia | Homepage | 05.14.05 - 3:05 pm | #

--------------------------------------------------------------------------------

Que linda homenagem, Hipatia!
Noite | Homepage | 05.14.05 - 3:52 pm | #

--------------------------------------------------------------------------------

Olhem, eu assim vou chorar! pronto! tenho andado, aqui e ali sempre de lagriminha pendurona a segurar o ranho e a tentar desviar as emoções e depois uma destas! Qésta porra?! Não sei que te diga, Hipatia, asério (já te disse pelo mail, antes de ver isto )
Lembro-me bem desse comente e lembro-me desse dia em que descobri o teu blog através da Du. Bons tempos. Esses, como os de agora. Lindo, lindo este teu texto como muito que tens. Linda, a tua acção. Obrigada e um gende beijinho.
Mar | Homepage | 05.14.05 - 5:08 pm | #

--------------------------------------------------------------------------------

'Eu também gostei! Essa de fazer um lençol de links, também nunca foi coisa que apreciasse.
Mar

5:46 PM
Hipatia said...
Este blog talvez tenha surgido para que me refugie num útero e, a partir de lá, consiga apreciar o meu umbigo, Duende. Às vezes tanto quero ver que me esqueço de ver a mim e aos meus pormenores. E "a nossa única riqueza é ver".

Obrigada.

__________________________________________________ _________________

Mar, não sei sequer se vou ter links alguma vez. Talvez mude de ideias. Mas, para já, sou um ponto perdido não linkado e sem links. Ainda sou qualquer coisa à espera de ser, à procura de mim, não necessariamente numa montra.

Obrigada.'

Estamos em plena sessão nostálgica.
duende | Homepage | 05.14.05 - 5:18 pm | #

--------------------------------------------------------------------------------

Eu sou suspeito, mas gostei muito desta posta...
sharkinho | Homepage | 05.14.05 - 10:23 pm | #

--------------------------------------------------------------------------------

Obrigada, Noite
Hipatia | 05.14.05 - 11:31 pm | #

--------------------------------------------------------------------------------

Espero não te ter borrado a pintura, Mar Afinal, andei à procura de uma que te fizesse justiça

Leva mais um beijo de parabéns e outro por hoje, só porque sim
Hipatia | 05.14.05 - 11:33 pm | #

--------------------------------------------------------------------------------

Ai credo, Du! Isso é para eu reparar no quanto já me afastei das intenções originais?

(às vezes a nostalgia sabe bem...)



PS - Não vais querer que eu torça pela derrota das minhas panteras, pois não?


Hipatia | 05.14.05 - 11:35 pm | #

--------------------------------------------------------------------------------

Tão suspeito que até te vejo regressar à minha caixa de comentários, Sharkinho?



E agora vou ter de arranjar inspiração para amanhã... Ou será que estou outra vez enganada? ai ai...
Hipatia | 05.14.05 - 11:37 pm | #

--------------------------------------------------------------------------------

Duende, fizeste-me lembrar uma frase preciosa de António Ramos Rosa:
"Sou alguém que espera ser aberto por uma palavra".
Um beijo.

Hipatia linda e ternurenta (isto vai de bom a melhor com tanta lamechice mas porra! como diz a recém parabenizada Mar, quero lá saber)


lindo texto, menina.

Um abraço daqueles que embalam o coração.
vague | Homepage | 05.15.05 - 5:51 pm | #

--------------------------------------------------------------------------------

Obrigada, Vague. Mas a culpa é dos "gaijos", porra. E nem dão a uma "gaija" mais de dois dias para repor a inspiração

Beijo grande, grande. E aquele abraço, amiga

(já agora, és caranguejo de que dia mesmo? )
Hipatia | 05.15.05 - 8:29 pm | #

--------------------------------------------------------------------------------

12.
És de q dia?
Agora já entendo a tua inspiração, bom gosto e sensibilidade
vague | Homepage | 05.15.05 - 10:03 pm | #

--------------------------------------------------------------------------------

Errado :p

Sou carneira com ascendente em escorpião E esta, hem?


Hipatia | Homepage | 05.16.05 - 6:32 pm | #

--------------------------------------------------------------------------------

Algo me escapa e penso q deve ser a memória

Eu dei-te os parabéns na altura, tenho uma vaga ideia.
Ando mesmo esquecida. Férias, socorro.
vague | Homepage | 05.17.05 - 7:57 am | #

--------------------------------------------------------------------------------

Pois deste os parabéns, oh esquecida
Hipatia | Homepage | 05.17.05 - 7:30 pm | #

Isabel Magalhães disse...

Acabei de descobrir, dois anos depois...! eheheh!

Não só estás perdoadíssima como te devo dois anos de agradecimentos com juros acumulados. :))))

bjs do coração.
I