2008-10-20

Prognósticos só no fim do jogo

.

«Pronto, agora sim, voltou tudo ao normal. A Selecção é, de novo, o espelho da Nação. Ou é de novo ou é de velho, à vossa escolha. Se formos justos, sabemos bem que a Selecção é, ‘de velho’, o espelho da Nação.»

Leonor Pinhão



E, quando estávamos a contar com ela, vai que a selecção desata a armar-se em cagona outra vez. Os anos do brasileiro e das bandeirinhas já lá eram. E o campeonato é o que se sabe: sobra para o FCP, não importa quantas voltas e pinotes sejam dados pelos outros.

Ora isto não está bem! É que a selecção é de todos nós e o FCP é só de quem gosta de ganhar. O povinho, farto que anda de tudo o resto, esperava um pouco mais de alegrias lá para os lados da bola. E afinal só há empates e derrotas e jogadores que se arrastam e um treinador que se armou aos cucos mas ainda não provou pevas.

Obviamente, não deu sequer para ganhar à Albânia e os outros foram o que se sabe. Mas ainda havemos de ver jogo. Infelizmente, dos lados da política e da economia, vemos jogo a mais. A derrota para os lados das Quinas é que parece ser o resultado final dos "prognósticos só no fim do jogo
(*)".

_________

(*) João Pinto, antigo defesa lateral e capitão do FCP

2 comentários:

maria_arvore disse...

O espelho do parecer sem ser já se reflectiu no futebol. ;)

Se no próximo ano houvesse eleição dos jogadores para a selecção já se viam mais golos. ;)

Hipatia disse...

Andam todos a usar (mal) a cabeça e pouco os pés. E, depois, lembro da quantidade de bocas ressabiadas e nacionalistas e só consigo pensar que o outro, com santinhas ou sem santinhas à mistura, conseguiu fazer uma equipa.

Mas amanhã temos FCP a ganhar (espero eu). Ultimamente, parece que só podemos contar com o FCP para ver resultados na bola portuguesa. Obviamente que o ódio que a mourolândia tem ao Pinto da Costa faz esquecer convenientemente esse facto.